DESAPEGUE-SE DA RAZÃO

Há uns tempos fiz um curso à distância, em que a primeira aula correu muito mal. A qualidade do som era péssima, a imagem estava sempre a parar e não havia condições para continuar.

Liguei para a escola para perceber como podia ultrapassar esta questão e a única coisa que a senhora me dizia era que mais ninguém se tinha queixado e que a internet da escola estava a funcionar perfeitamente.

Vi-me obrigada a ser assertiva e explicar claramente que já tinha entendido que o problema não era deles, mas eu estava a ligar à procura de uma solução e não de culpados para o problema!

Lembre-se: se o seu cliente o procura é porque quer ver uma situação resolvida, não para você lhe mostrar que está cheio de razão. Liberte-se dela, nem sempre ela tem que estar presente numa comunicação, seja de conflito ou não!

Até à próxima dica! 😋

—– Post originalmente publicado no Linkedin. —–

Partilhar é cuidar!

shares
Não copie o texto!