A loiça das Caldas é uma das mais características de todo o país?

Apesar da cerâmica já ser muito produzida na região, foi Rafael Bordalo Pinheiro, um grande artista português, entre muitas outras coisas, ceramista, que, ao abrir uma fábrica de faianças no final do século XIX, aqui impulsionou esta arte.

Na sua fábrica, Rafael produzia azulejaria, materiais de construção, cerâmica utilitária e peças de decoração, mas a sua grande motivação era produzir peças de serventia diária, com uma relação preço-qualidade equilibrada, de modo a que todos pudessem ter loiça bonita e útil em suas casas.

As peças mais características revelam uma tradição naturalista, com formas, cores e aparência muito reais que permitem, além da sua funcionalidade, a decoração dos espaços. Desde frutas a vegetais, passando pelos animais e pelas pessoas e não esquecendo os reconhecidos falos, a loiça das Caldas não passa despercebida nos mercados desse Portugal fora, onde são sempre presença assídua.

É rara a casa portuguesa que não tem, pelo menos, uma peça de loiça produzida nas Caldas da Rainha e que não lhe reconheça o devido valor e tradição.

Caldas da Rainha é uma cidade portuguesa que pertence ao distrito de Leiria, sede de município com 12 freguesias, na zona Oeste de Portugal.

Fonte da foto: https://bit.ly/37cPPzE

Partilhar é cuidar!

shares
Não copie o texto!