Quando algo não está bem é porque falta um ou mais valores.

O que quer isto dizer? Que quando sente um desconforto, uma angústia, um vazio, um desânimo, uma tristeza ou um desagrado, mas não consegue perceber porquê, então deve parar para analisar as diversas vertentes da sua vida e perceber se, em cada uma delas, os seus valores estão presentes. Concluirá que, algures, falta um ou mais valores, caso contrário estaria pleno de satisfação.

Os valores são tudo aquilo que nos faz felizes e são muito pessoais. Um mesmo valor pode ter significados diferentes para pessoas diferentes, portanto atuam a um nível interno.

Alguns exemplos de valores mais conhecidos são a ética, a verdade, a justiça, ou a honestidade, mas podem ser tudo aquilo que fizer sentido para si, como por exemplo a luz natural, estar rodeado de pessoas, a proximidade do mar ou a tecnologia.

Para saber com exatidão quais são os seus valores deve fazer uma autoanálise em relação a temas, áreas, assuntos ou pessoas da sua vida e questionar-se, naquele caso, o que é mais importante para si, o que não pode mesmo faltar. Após a descoberta, deverá empreender todos os esforços no sentido de ter os seus valores presentes.

Será útil fazer este exercício de quando em vez, dado que os valores podem mudar ao longo do tempo.

Se quiser saber mais e melhor sobre os valores aceda aqui ao ebook que lancei há tempos sobre o tema e descarregue-o gratuitamente e sem tretas.

Ouse conhecer-se melhor e reflicta sobre os seus valores!

Passe para me contar as aprendizagens e as mudanças que reflectir sobre os seus valores lhe trouxe.

Para um processo de auto-conhecimento mais célere e eficiente não hesite em contactar-me, terei o maior gosto em dar-lhe a mão nesta sua caminhada.

Partilhar é cuidar!

shares
Não copie o texto!